A minha experiencia com…Sumos Detox Drink6

Leave a comment

Há uns dia atrás experimentei os sumos detox da marca Drink6. Vocês sabem o quanto sou adepta dos dos sumos detox por isso experimentei o Plano Detox Drink6 porque, como o nome indica, são desintoxicantes.

Faz parte da minha rotina alimentar fazer um fazer cleansing para limpar o organismo através de uma alimentação saudável e equilibrada. No fundo é imaginar um aspirador dentro do nosso corpo a “limpar a casa” do “pó”, neste caso toxinas.

Como fiz o meu Plano Detox:

O plano Detox de um dia inclui 6 sumos, com os nutrientes que o corpo necessita para eliminar aquilo que não precisa. Cada Detox tem valor nutricional diferente para ir de encontro às nossas necessidades e cada garrafa está numerada e tem horário na embalagem para sabermos exatamente qual e quando tomar. Senti-me muito bem e não senti fome (que é muito importante).

Este plano substitui a alimentação completa ao longo do dia, durante o número de dias que selecionar, pode optar por fazer durante mais dias.

Sabor: Gostei imenso do sabor, são muito agradáveis e refrescantes. Quando os bebemos temos mesmo aquela sensação de produtos 100% naturais.

Benefícios: A marca promete que um dia de plano detox ajuda a eliminar os excessos mais importantes de toxinas. Eu não tenho dúvida nenhuma que cumpre o prometido, a sensação com que ficamos é que o nosso metabolismo funciona melhor, sinto-me menos inchada e com mais energia.

Entrega: Muito confiável e muito rápida. Os sumos são entregues refrigerados, e deve mantê-los sempre no frigorífico. Se pedir o seu detox para mais do que um dia, receberá a sua encomenda num só envio, no dia que nos indicar, para que possa começar a fazer o seu plano no dia seguinte.

O  horário de entrega gratuito é das 9h as 20h, de segunda a sexta-feira (as entregas ao sábado realizam-se entre as 9h e as 13h e têm um custo adicional de 3€ de portes de envio).

Outros produtos:

Adicionalmente, tem muitos tipos de planos detox (green detox, meio dia de detox, detox para desportistas, para o m de semana, especial beleza, etc.) e produtos detox (cosmética, proteínas, infusões, etc.), para que possa escolher o que melhor se adapta a si. Descubra as maravilhas do detox e lembre -se: se tiver algum sumo ou sabor favorito, pode pedir um pack de um só sabor ou pedir um plano detox personalizado com mais sumos desse sabor. Pssst vem aí o dia da mãe!

Mitos frequentes:

O nosso corpo não está intoxicado, logo não necessita desintoxicação – FALSO

Na realidade, o nosso organismo sofre constantemente uma intoxicação alimentar e ambiental, que é causa de muitas das doenças de que padecemos neste século.

Estamos sujeitos a substâncias poluentes e toxinas que se encontram no ar, na água, nos produtos cosméticos e, sobretudo, nos alimentos que ingerimos no nosso dia-a-dia:

  • Os tratamentos para conservar os alimentos, os aditivos, conservantes, hormonas, antibióticos e, inclusivamente, os parasitas, são fontes consideráveis de toxinas.
  • A adição de gorduras saturadas em muitos alimentos processados (incluindo o pão ou o molho de tomate). As toxinas depositam-se com maior facilidade nas células gordas, que acabam por acumular-se em redor dos órgãos mais importantes, como o fígado, os rins, o intestino ou o coração.
    Alguns destes órgãos podem dar sinais prévios de alarme antes de falhar (altos níveis de transamínases, colesterol ou triglicéridos) mas outros, como o coração e as suas artérias, podem ir-se fechando pouco a pouco sem avisar, aumentando o risco de ataque cardíaco.

O nosso organismo já tem recursos suficientes para eliminar toxinas. FALSO.

É verdade que o corpo possui órgãos e mecanismos de eliminação de toxinas mas esses órgãos estão preparados para eliminar uma quantidade mínima. Isto significa que o número de toxinas que se acumulam no nosso organismo hoje em dia é muito superior às que os nossos órgãos são capazes de gerir. É por isso que se têm vindo a desenvolver doenças como o excesso de peso, obesidade, problemas renais e hepáticos e, obviamente, o cancro.

Se consumirmos sumos de fruta e legumes e tivermos hábitos alimentares saudáveis, ajudamos estes mecanismos a trabalharem melhor e, ao mesmo tempo, evitamos que o nosso sistema imunitário tenha que dedicar recursos para esta função e faça o que lhe compete, que é defender-nos dos vírus e bactérias.

Beber um sumo não vai substituir a função depurativa dos rins mas vai ajudá-los a filtrar melhor e o sistema urinário ficará mais limpo. Além disso, ajuda a gerar e regenerar as células novas e eliminar células velhas.

 

Podem Seguir todas as novidades da marca aqui:

Facebook: https://www.facebook.com/Drink6Portugal/
Instagram: @drink6sumos

Twitter: @drink6sumos

Nutricionista Denise Gomes

 

 

Post introduzido por Denise Gomes

Proteína: Caseína ou soro de leite?

Leave a comment

Proteína de soro de leite vs. caseína

As proteínas fornecem Ao corpo aminoácidos que servem como blocos de construção para a formação de novo músculo. Mas nem todas as proteínas dietéticas são iguais. As proteínas que derivam do leite são caseína e soro de leite. Essas duas proteínas do leite são excelentes fontes de todos os aminoácidos essenciais, mas diferem num aspecto importante: o soro é uma proteína de digestão rápida ea caseína é uma proteína de digestão lenta.


Soro de leite

O facto do soro ser de digestão rápida significa que é absorvido rapidamente, resultando num rápido e grande aumento de aminoácidos plasmáticos. Isso traduz-se num rápido, mas transitório aumento na síntese protéica, enquanto proteína desagregação não é afetada. O soro também tem níveis mais elevados de leucina, um potente aminoácido que estimula a síntese de proteínas. Proteína de soro de leite é eficiente a aumentar a síntese de proteínas rapidamente, mas este efeito positivo é de curta duração. Consumir doses repetidas de soro de leite permite altos níveis sustentados de aminoácidos do sangue.

Caseína
A caseína é a proteína mais abundante no leite. É relativamente insolúvel e tende a formar estruturas chamadas micelas que aumentam a solubilidade na água. Durante o processamento do leite, que normalmente envolve calor ou ácido, os péptidos de caseína e a estrutura de micelas são perturbados ou desnaturados para formar estruturas mais simples. Como resultado, forma-se um material gelatinoso. Esta é a base d a explicação que define uma taxa mais lenta de digestão e que resulta numa libertação lenta mas constante de aminoácidos na circulação.

Num estudo, os pesquisadores deram indivíduos saudáveis ​​30 gramas de proteína de soro de leite ou caseína e fizeram várias medidas do efeito anabólico e catabólico por 7 horas após a refeição. O estudo demonstrou que a  para proteína de soro de leite resultou num rápido aumento nos aminoácidos do sangue e síntese de proteínas, mas foi de curta duração. A caseína, por outro lado, resultou num aumento prolongado dos aminoácidos do sangue que resultou numa redução de 34% na desagregação das proteínas.

Whey e caseína são melhores juntos

Uma vez que o soro aumenta rapidamente a síntese proteica e a caseína bloqueia a destruição das proteínas, uma combinação de ambas seria ideal.

Sugestão da Nutri: 

Como o soro e caseína têm efeitos diferentes, mas complementares, sugiro que tome proteína do soro de leite ao longo do dia e após os treinos, e caseína antes de dormir. Ou  pode misturar proteína de soro de leite num copo grande de leite (cerca de 80% de caseína) para combinar os benefícios de ambos.

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes

A minha experiência com…café verde

Leave a comment

Decidi fazer uma nova tag aqui no blog, será denominada por: A minha experiência com…

Recebo e compro  produtos para testar, então com esta tag pretendo analisar  determinado produto ou até mesmo experiência, descrevendo e enumerando aspetos considerados relevantes e partilhar convosco para vos auxiliar na hora de comprar.

Hoje venho  falar sobre o Café Verde da Enetural. Primeiramente, quero vos enquadrar sobre o que é o café verde e os seus benefícios (para quem ainda não sabe).

Segundo alguns estudos,  indicam que o café verde tem um ótimo efeito termogénico, sendo um aliado para quem pratica de atividade física e um coadjuvante nos programas de queima de gordura e ganho de massa muscular.

Outro benefício atribuído ao café verde é a quantidade de antioxidantes, mas tanto o café verde quanto o grão torrado contém 0,06% a 0,32% de caféina, teobromina, teofilina, taninos e flavonóides, e de 5% a 10% de ácido clorogênico e em média 15% de proteína, sendo os aminoácidos mais encontrados o ácido glutâmico, ácido aspártico e leucina.

As substâncias mais estudadas são a cafeína e o ácido clorogénico. A cafeína, além de atuar como um termogénico natural, melhorando o metabolismo e favorecendo a perda de peso, também atua inibindo as adenosinas, que são as substâncias responsáveis por induzir o sono e, assim, promover um maior estado de alerta. Além disso, promove a oxidação de gorduras corporais e facilita a sua eliminação.

Já o ácido clorogênico, presente no café verde em concetração duas vezes maior do que a encontrada no café torrado, diminui a absorção de glicose a nível intestinal e participa no metabolismo dos açúcares inibindo a enzima glicose-6-fosfatase, que é responsável pela libertação de açúcares do fígado para a corrente sanguínea. Essa inibição mantém os níveis baixos de glicose e diminui a acumulação de gordura, já que o açúcar em excesso é transformado em gordura.

O potencial antioxidante do café verde fez com que as pesquisas em torno de produtos cosméticos utilizando seus principios ativos fossem intensificadas. Isso por que a ação antioxidante do ácido clorogénico atua no combate aos radicais livres, os vilões do envelhecimento, e protege contra os raios UV.

Eu estou a usar o café verde faz hoje sete dias, por isso é demasiado cedo para grandes conclusões, no entanto, queria descrever a minha experiência ao longo do tratamento.

Ao tomar duas vez por dia (conforme recomendado), reparei que o meu metabolismo está mais rápido (sem dúvida) , por isso a sua ação termogénica: CONFERE. Em relação à promoção um maior estado de alerta: CONFERE, sinto-me com mais energia, principalmente nos dias de muito trabalho e ainda ginásio.

Relativamente ao beneficio de queimar gordura e ganhar massa muscular, ainda é muito precoce opinar sobre isso porque só passaram sete dias. Vou continuar o tratamento e dou-vos feedback. Eu tenho uma balança de bioimpedância por isso será fácil comprovar (ou não) este beneficio.

É importante salientar que sigo este tratamento enquadrado numa alimentação saudável e pratico atividade física.

Podem saber mais sobre este tipo de produtos  aqui.

Os estudos e aplicações do café verde ainda são recentes, por isso é necessário cautela ao utilizar. Procure seu nutricionista. Trata-se  de um produto com contra-indicação para pessoas hipertensão, com tendência ao nervosismo.

Nutricionista Denise Gomes

 

Post introduzido por Denise Gomes

CLA – sim ou não?

Leave a comment

image

O que é o CLA?
O CLA (Conjugated Linoleic Acid, em inglês – ácido linoleico conjugado) é um ácido gordo essencial da família dos ómega 6. Encontra-se naturalmente na carne, lacticínios e ovos.

O CLA encontra-se em baixa concentração no nosso organismo e o nosso corpo não tem capacidade de o sintetizar, pelo que só pode ser absorvido a partir dos alimentos e suplementos nutricionais. Mas, como hoje em dia cada vez mais se opta pelo consumo de carnes magras e laticínios magros, o seu consumo tende a ser cada vez menor.

QUAIS OS EFEITOS DO CLA?

Os efeitos do CLA passam pela redução do peso e consequentemente do Índice de Massa Corporal (IMC). Ao nível da composição corporal, o CLA diminui a massa gorda e promove o aumento de massa muscular.

Outros estudos com CLA mostram também que este é capaz de estimular o sistema imunitário, reduzir o risco de arteriosclerose e alterar beneficamente o metabolismo lipídico.

COMO ATUA NO NOSSO ORGANISMO?

O CLA atua de duas maneiras:

1) Primeiramente, inibe a enzima lipoproteína lipase, responsável por degradar a gordura para ser depois armazenada nas células gordas. Essa gordura é depois reencaminhada para as células musculares e é gerada energia a partir dela, levando à preservação da massa muscular;

2) Por outro lado, estimula a enzima palmitol transferase que degrada gordura, aumentando desta forma a diminuição da massa gorda.

O QUE DIZEM OS ESTUDOS?

Os estudos da suplementação de CLA em animais mostraram resultados admiráveis, mas em humanos ficaram um pouco aquém.

Alguns estudos em humanos mostram que mesmo sem dieta e exercício físico, as pessoas que tomaram o suplemento durante 3 meses conseguiram perder até 12 kg; num outro estudo durante 12 meses, perderam 8-9% de massa gorda e ganharam 2% de massa muscular.

Contudo, não há milagres e, apesar do CLA parece produzir efeito tanto em sedentários como em quem pratica exercício físico, ainda assim, as pesquisas sugerem que o suplemento é mais eficiente na redução da massa gorda daqueles que praticam exercício físico regularmente. Por isso não depositem muito fé no CLA e foco na alimentação saudável e exercício físico.

A minha opinião é que não há milagres porque se houvesse  já tínhamos acabado com a pandemia que é a obesidade. Este suplemento pode ajudar na perda de peso, mas o essencial é uma alimentação equilibrada e saudável e atividade física (não precisam de correr maratonas, mas uma caminhada de 30 minutos para começar já era aceitável ?)

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes