Juicing – Detox de janeiro

Leave a comment

fdc00912596

Eu sei que ja vamos quase a meio de janeiro mas não é tarde para fazer um Detox, em forma de recomeço. Permita que o seu corpo comece clean, dando margem para se sentir mais energético e  menos inchado.

 

RECEITA:
1 rodela de ananás (com a parte do meio)
1/2 pera com casca
2 rodelas de gengibre fresco
1/2 limões médios
Alecrim q.b
1 talo de aipo
2 c. sopa de sementes de sésamo
250 ml de infusão detox NutriMais ou água fresca

MODO DE PREPARAÇÃO
Lave muito bem os ingredientes e coloque-os no copo da liquidificadora, junte cerca de 2500ml de infusão e triture até obter uma mistura homogénea.
Ajuste a textura com água a gosto e sirva-o bem fresco com algumas sementes de sésamo como topping.

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes

Pão Teff no microondas

Leave a comment

imagePão Teff no microondas é uma opção sem glúten. Este pão é uma verdadeira delicia é muito saciante, têm mesmo que experimentar.

INGREDIENTES:

  • 1 colher de iogurte magro ou soja (para versão sem lactose)
  • 2 colheres de farinha Teff
  • 1 ovo (retire a pele da gema ou utilize apenas a clara)
  • 1 colher de chá de fermento
  • oregãos q.b

Preparação:

Junte todos os ingredientes e misture bem com um garfo ou mixer. Coloque numa pequena travessa e não é preciso untar (eu uso uma da Tupperware). Leve ao microondas na potência alta por cerca de 2 minutos. Depois de pronto, eu corto ao meio e coloco recheio a gosto.

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes

Sopa Detox

Leave a comment

image

A dieta detox é excelente para quem deseja emagrecer com saúde, pois pode inserir alimentos muito saudáveis e fáceis de preparar. As receitas de dieta detox são receitas antioxidantes que ajudam a eliminar toxinas que estão presentes em nosso organismo, devido ao consumo de alimentos não saudáveis como os alimentos industrializados, as bebidas alcoólicas, os medicamentos e muitos outros.

Nos dias mais frios nem sempre nos apetece um sumo Detox e as sopas tornam-se numa excelente opção.

Como toda a  receita detox, a sopa detox também é feita por uma combinação de alimentos naturais como verduras, legumes, sementes e grãos. Esses alimentos são ricos em nutrientes e vitaminas como vitamina A e C, ricos em cálcio, betacaroteno, ferro, ácido fólico e magnésio.

Esses alimentos combinados em receitas de sopa detox possuem um grande poder de desintoxicação, ajudando assim no emagrecimento e trazendo mais saúde para o organismo.

Alguns exemplos:

  • Couve;
  • Rúcula;
  • Espinafre;
  • Couve-flor;
  • Gengibre;
  • Brócolos;
  • Abóbora;
  • Cenoura;
  • Ervilha;
  • Courgete;
  • Lentinha;
  • Linhaça;
  • Chia;
  • Grão de bico.

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes

Afinal o que são os superalimentos?

Leave a comment

pro39482942-2

Os superalimentos estão na moda, mas são mais do que uma questão de “tendências”. Estes superalimentos são altamente nutricionais e apresentam uma lista de benefícios bastante completa. A título de exemplo, além de contribuírem para retardar o envelhecimento, ainda previnem doenças crónicas. Mas não só. Os chamados superalimentos também podem ser poderosos aliados para quem quer perder peso.

Brócolos, frutos vermelhos, chá verde e vinho tinto. É provável que já tenha ouvido dizer que estes alimentos podem contribuir, e muito, para a saúde e juventude do seu organismo. Mas não são os únicos.

 

Spirulina

É uma bactéria pertencente ao grupo da cianobactérias. O seu nome deriva da sua organização estrutural em espiral, é uma proteína completa de alto valor biológico contendo todos os aminoácidos essenciais. Oferece importantes ácidos gordos polinsaturados, sendo igualmente rica em vitaminas hidrossolúveis do complexo B, vitamina C e vitaminas lipossolúveis A, D, E e K.

Ao nível dos minerais, é rica em potássio, cálcio, cobre, ferro, fósforo e magnésio, contendo igualmente um conjunto de pigmentos antioxidantes, como betacaroteno, clorofila e xantofila. O principal benefício nutricional é o potente efeito antioxidante que resulta da sua grande riqueza vitamínica e mineral, podendo ainda ter benefícios ao nível da integridade dos tecidos e epitélios do organismo. A spirulina está disponível sob a forma de pó ou suplemento alimentar.

Clorela

É uma alga verde, muito popular no Japão, do grupo das chlorophytas, rica em clorofila. É um alimento muito completo por conter «proteínas de alto valor biológico, 18 aminoácidos (incluindo oito aminoácidos essenciais), vitaminas e minerais, enzimas, fibra e clorofila. É igualmente rica em antioxidantes, como betacaroteno e, particularmente, em vitamina B12.

Por ser extremamente rica em clorofila, estimula a formação de glóbulos vermelhos. Desempenha um papel de melhoria do sistema imunológico. Por ser rica em antioxidantes e em ácidos nucleicos, é favorável ao crescimento e manutenção dos tecidos. Está disponível sob a forma de pó ou suplemento alimentar.

Erva-de-trigo

Provém das folhas jovens do trigo e não oferece glúten. É extremamente rica em clorofila, vitaminas e minerais, como ferro e vitaminas A, B e C.

É conhecida por potenciar a purificação, nutrição e reconstituição do sangue.

As folhas de erva-de-trigo estão disponíveis sob a forma de pó.

Sementes de chia

É um dos alimentos mais poderosos, funcionais e nutricionais conhecidos, são uma excelente fonte de fibra, com antioxidantes e minerais, sendo a fonte vegetal conhecida mais rica em ácidos gordos ómega 3. Ricas em mucopolissacarídeos, constituem uma excelente fonte de fibras alimentares, sendo altamente saciantes.

É sobretudo benéfica para a saúde intestinal, as mucilagens destas sementes podem fixar até 12 vezes o seu peso em água, o que faz com que melhorem a qualidade e a consistência das fezes em caso de diarreia. Além disso, constituem também uma camada de mucilagem na parede intestinal, de tal modo que as bactérias patogénicas são travadas e as mucosas podem, assim, recuperar mais depressa. As sementes de chia são vendidas em estado puro.

Bagas de goji

Semelhantes a passas de uva, são originárias da planta chinesa lycium barbarum, são ricas em polissacarídeos antioxidantes e uma excelente fonte de proteína com 18 aminoácidos diferentes, entre os quais estão os oito essenciais.
Contêm ainda minerais como zinco, ferro, cobre, cálcio, selénio e fósforo e vitaminas B1, B2, B6 e vitamina E.
Apresentam benefícios na prevenção de «doenças cardiovasculares e inflamatórias, fortalecendo o sistema imunitário. As bagas goji de origem biológica encontram-se disponíveis numa versão desidratada.

Açaí

Vindo da Amazónia, é um fruto de baga de cor roxa que nasce em cachos. Está disponível sob a forma pó liofilizado, a partir do qual se pode preparar, por exemplo, sumo. do seu conteúdo nutricional sobressai a riqueza proteica e lipídica, com aminoácidos essenciais e ácidos gordos polinsaturados, tendo também um conteúdo importante de vitaminas e minerais, nomeadamente vitamina A e C, cálcio, ferro.

É conhecido por ser energético e nutritivo ajudando, por exemplo, a repor os níveis normais do organismo depois do exercício físico.

Olhar mais atento
Existem muitos estudos que olharam para os efeitos de determinados alimentos na saúde. À primeira vista, parecem dar razão à existência de certos superalimentos – de facto, os nutrientes nestes alimentos mostraram apresentar uma variedade de propriedades promotoras de saúde. No entanto, um olhar mais atento, revela a dificuldade em aplicar os resultados destes estudos às dietas realmente praticadas. Isto porque, as condições sob as quais estes alimentos são estudados no laboratório são muito diferentes da forma como os alimentos são normalmente consumidos pelos indivíduos no dia-a-dia.

De forma a assegurar-se uma ingestão nutricional adequada para um ótimo estado de saúde, deve apostar-se no consumo de uma grande variedade de alimentos nutritivos e não apenas numa mão cheia de alimentos rotulados como “super”. A alimentação deve incluir uma grande variedade de frutos e hortícolas.

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes