A minha experiencia com… Barrinhas Nakd

Leave a comment

Não há nada pior do que sentir fome e não ter nada há mão para comer, saltar refeições e depois devorar a refeição seguinte. Para evitar isto, adoro ter uma barrinha sempre comigo, na bolsa, no carro, na mala do computador há sempre uma barrinha escondida 😉

Há pouco tempo experimentei as barrinhas Nakd e fiquei logo rendida. A sensação que tive quando comi foi que era um produto com ingredientes naturais. A maior parte das barrinhas que vemos por aí sabem mal ou até sabem bem mas têm um sabor muito artificial.

Para mim as calorias não são tudo, a qualidade alimentar é extremamente importante, por isso na hora de escolher as barrinhas os ingredientes são um fator decisivo na compra.

 As Nākd bars  são uma ótima maneira de ter uma refeição nutritiva  ​​sem comprometer o sabor. São feitas de ingredientes naturais, como frutas e nozes. Não contém trigo nem laticínios, e melhor ainda, não tem adição de açúcares ou extras escondidos.

A D O R O!

Gosto do sabor de todas mas especialmente a de Caju e a de amendoim.

Experimentem e deixem-me saber se também gostaram! 😉

Post introduzido por Denise Gomes

Guia para os seus Detox’s

Leave a comment

wses338437-2

Vamos dar início ao movimento  Clean Your Body?  acho que o início do ano é um bom momento para limpar o seu organismo e para ter uma lição sobre como Detox’s. Para fazer batidos não  é preciso ciência de foguetes ou qualquer coisa, mas tal como as sopas, para se ter o máximo de benefícios é necessário ter alguns cuidados. Por exemplo, se  está fazer um smoothie  ANTIOX , e coloca um extra de 12 gramas de açúcar para além do açúcar da fruta, nunca vai usufruir do potencial do ANTIOX. Com este post pretendo  certificar-me que os Nutris comecem o seu dia tão saudável quanto possível.

Eu também tenho que mencionar, um bom liquidificador é importante para Detox’s cremosos. Um bom liquidificador mistura tudo tão finamente que os meus batidos ficam com uma consistência tipo milkshake, não importa quantos punhados de couve eu coloque.

Então deixo aqui um guia passo-a-passo sobre como fazer os smoothies mais saudáveis!

Passo 1: Escolha um Líquido

  • Bebida de amêndoa/ avelã/ aveia (o que mais gostar mas sem adição de açúcar)
  •  Infusões/ chá
  • Água de côco
  • água (oais alcalina possível)

Passo 2. Escolha uma Proteína.
Este passo é totalmente opcional. Se tem um estilo de vida sedentário salte este passo

Passo 3: Adicionar em alguns verdes.

  • Couve
  • Espinafre
  • Acelga
  • Rúcula
  • Agrião

Passo 4. Adicionar algumas frutas frescas ou congeladas.

  • Manga
  • Pêssegos
  • Cerejas
  • Mirtilos
  • Abacaxi
  • Morangos
  • Framboesas
  • Banana
  • Abacate

Etapa 5. Adicionar em alguns extras.

Dê ao seu Detox  alguma nutrição extra com superalimentos (os meus favoritos são os da Ox Nature) e um acréscimo de sabor.

  • Manteiga Natural de amendoim
  • Óleo de côco (o meu preferido é da marca Origens)
  • Sementes de Chia
  • Farinha de linhaça
  • Verde em pó (sprirulina)
  • Matcha em Pó
  • Cúrcuma
  • Canela
  • Côco

Para um plano de Detox online, totalmente funcional aos seus objetivos e com quantidades adapatadas às suas necessidades, envie um e-mail para mais  informações.

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes

Café turbinado – Café com óleo de côco

Leave a comment

img_4588

Hoje venho vos falar de um assunto do qual me fazem muitas questões: café com óleo de côco ou bulletproof coffee (também é conhecido assim). No meu pequeno-almoço é normal ter este café. No início estranhava a textura mas acabei por me habituar.

Porque é que eu tomo o bulletproof coffee?

Além de saboroso, o bulletproof coffee possui benefícios para a saúde. Os ingredientes principais são, a café e o óleo.

Os principais benefícios destas substâncias são:

Café: é fonte de cafeína, uma substância capaz de estimular o sistema nervoso, aumentando o estado de alerta. O café colabora para o aumento do desempenho físico  ao retardar o tempo até o cansaço e promover mais energia e disposição. Também tem ação termogénica, estimulando a queima de gordura. Além disso, disponibiliza mais ácidos gordos livres (gordura) para serem queimados, com isso, poupa as reservas de glicogénio no músculo.
Óleo de coco: extraído da polpa do coco, o óleo de coco é fonte de gorduras saturadas na forma de triglicéridos de cadeia média (TCM), que são rapidamente absorvidas pelo organismo – o que gera energia e evita a acumulação de gordura. O óleo de coco ajuda a reduzir o colesterol LDL e aumentar o HDL, tem ação anti-inflamatória, ajuda a fortalecer o sistema imunológico e promove a sensação de saciedade.

COMO TOMAR?

A bebida pode ser consumida no pequeno-almoço ou nos lanches intermediários, como forma de contribuir para a saciedade e estado de alerta. Apesar de todos os seus benefícios, o café com óleo de coco deve ser consumido com moderação e, de preferência, com a orientação de um nutricionista.

Como faço?

– Café

– 1 colher de sopa de óleo de côco

– pitada de canela

misture tudo e já está 💚

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes

Coma pimenta e emagreça

Leave a comment

image

Já ouviu falar em Capsaicina? Esta substância tem um grande potencial antioxidante e termogénico.
A capsaicina é uma substância encontrada na pimenta e que é responsável pelo sabor picante. Sendo assim, quanto mais picante a pimenta, mais capsaicina essa pimenta possui. E quanto mais capsaicina, mais benefícios retiramos do fruto.
A capsaicina tem muitas propriedades, entre elas: analgésica, energética, expectorante, digestiva, antioxidante e vasodilatadora.
Segundo algumas pesquisas, a pimenta pode reduzir em até 45% o colesterol total de indivíduos com hipercolesterolemia, consequentemente, reduzindo os riscos de doenças arterial coronária ou aterosclerose.
A capsaicina da pimenta tem um poder antioxidante duas vezes maior do que o ácido ascórbico. A atividade antioxidante da pimenta combate a  excessiva de radicais livres.  No entanto, a capsaicina também parece estimular a produção de óxido nítrico no endotélio, o qual promove um relaxamento das artérias e facilita o fluxo sanguíneo.
As pimentas são bastantes nutritivas: em uma colher de pimenta é possível encontrar 70% da recomendação de vitamina A e mais do que 100% de vitamina C, contendo também minerais como ferro, cálcio e algumas vitaminas do complexo B, como a niacina, tiamina e a riboflavina. As pimentas vermelhas possuem um potencial antioxidante maior do que as pimentas verdes, além de conter bioflavonóides que auxiliam na prevenção do cancro.  Acredita-se que a capsaicina atue no sistema nervoso simpático aumentando a liberação de catecolaminas (noradrenalina e adrenalina), as quais atuam diminuindo o apetite.
A pimenta também auxilia no emagrecimento por conta de seu efeito termogênico (aumentando o metabolismo) e por estimular a liberação de endorfina, a qual confere ao individuo uma sensação de bem-estar e diminui a vontade de comer.

Recomenda-se uma dose de 3g/dia de pimenta vermelha visando aumentar o metabolismo e favorecer a perda de peso.

ATENÇÃO:
Vale ressaltar que nem todos pode consumir a pimenta. Pessoas com intolerância à pimenta e/ou com gastrite, esofagite, hemorróidas ou refluxo gastroesofágico, por exemplo, devem evitar consumir a pimenta. Sendo assim, faz-se necessário procurar um nutricionista, antes de aumentar o consumo de pimenta nas refeições.

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes