Melhorar a circulação sanguínea

Leave a comment
Má circulação sanguínea, eu tenho!
Assim como eu há imensas pessoas que sofrem de má circulação e por isso decidi partilhar convosco as minhas dicas. Dicas estas, que me ajudam a contornar estas desordens provenientes da má circulação, como as varizes e pernas inchadas (há dicas em que os meus tornozelos dobram de tamanho). Estas desordens podem não ser graves mas são bastante incómodas.
Varizes, flebites, pernas inchadas, cansaço, dores, sensação de peso são alguns dos efeitos indirectos da má circulação de retorno, ou seja, aquela que flui pelas veias em direção ao coração.
Estas complicações não são graves, no entanto, se não forem tratadas a tempo, podem originar complicações de maior gravidade e reduzir a qualidade de vida.
1. Coma de forma variada e equilibrada 

 É necessário comer de forma variada e equilibrada (para controlar o ganho de peso que favorece a obstrução das artérias) e apostar nos alimentos ricos em antioxidantes porque protegem as paredes vasculares. Os Frutos, os legumes, os cereais, as gorduras insaturadas e as carnes magras são nossos aliados nesta batalha.

 

2. Aposte nos alimentos ricos em fibras

Favorecem o trânsito intestinal, o que evita o aumento de pressão abdominal, a debilitação das paredes das veias e da parede do cólon, reduzindo o risco de sofrer de prisão de ventre, varizes e hemorróidas e a acumulação de toxinas no sangue.

As frutas secas e frescas, as leguminosas, as verduras e hortaliças, os cereais e alimentos integrais são grandes aliados dos intestinos. Se seguir a regra de ingerir cinco porções diárias de vegetais, não lhe vai faltar fibra.

3. Tranque o saleiro (UM MINUTO de silêncio por esta medida…que é o meu ponto fraco)

O excesso de sódio não é só contra-indicado em pessoas com hipertensão arterial. Também favorece a retenção de líquidos, obrigando o coração, o fígado e os rins a trabalharem acima das suas possibilidades, fomentando problemas circulatórios.

Evite as conservas, sopas de pacote, molhos, bolachas, enchidos, queijos curados, carnes e peixes salgados ou fumados e pré-cozinhados.  Utilize as As ervas aromáticas, são excelentes substitutas do sal.

4. Prefira as gorduras insaturadas

Ao contrário das saturadas, presentes nos lacticínios gordos e nas carnes vermelhas, estes lípidos podem reduzir a viscosidade do sangue, favorecendo a fluidez da corrente sanguínea. São gorduras importantes para regular a pressão arterial, a vasodilatação e a coagulação.

Estes ácidos gordos encontram-se, sobretudo, nos óleos de sementes de girassol, milho e soja, azeite, nos frutos secos (nozes e amêndoas), abacate e nos peixes gordos.

5. Hidratação é vida

Deve beber entre 1,5 a 3 litros de água por dia para facilitar a eliminação de toxinas e melhorar a circulação. Também pode recorrer às infusões, como as de chá ou de gingko biloba (beneficia a irrigação cerebral).

Os meus truques extra:

 Massagem nas pernas

Sim. Massajar as pernas de baixo para cima alivia em caso de pernas inchadas.

Pernas para ar

Levantar um pouco os membros inferiores enquanto se está sentado ou mantê-las elevadas quando se está deitado favorece o retorno venoso. Para tornar a circulação mais fluída, erga as pernas alguns minutos por dia e durma com as pernas mais altas do que a cabeça, subindo ligeiramente a parte da cama onde repousa os pés, com uma almofada.

Suplemento BioActivo Biloba Forte

Todos os dias tomo alguns suplementos para me ajudarem em vários factores do meu dia-a-dia e um deles é o BioActivo Biloba Forte. Já vou na minha terceira caixa desde que fui convidada a experimentar  e já não dispenso.

Características de BioActivo Biloba Forte:
BioActivo Biloba Forte permite manter uma boa circulação sanguínea, por exemplo no cérebro e nos vasos sanguíneos. Deste forma, as células são fornecidas com mais oxigénio e nutrientes. Muitas pessoas também encontraram em BioActivo Biloba Forte uma boa solução para o problema das mãos e dos pés frios.
Devido ao teor elevado de extracto de Ginkgo biloba por comprimido, é possível obter o efeito desejado em 4 semanas, aproximadamente, apenas com 1-2 comprimidos por dia.
Quando o fornecimento de sangue às células e tecidos é reduzido, pode haver tendência para ter as mãos e os pés frios. BioActivo Biloba Forte pode ajudar o fluxo sanguíneo, desta forma deve-se evitar tomar produtos com Ginkgo biloba antes de uma cirurgia planeada (devido ao risco de hemorragia).

Espero que tenham gostado destas dicas e partilhem também as vossas nos comentários 🙂

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes

7 alimentos que não faltam na minha dieta

Leave a comment

7 alimentos que não faltam na dieta: 

Quem já tentou emagrecer com saúde sem contar com a orientação de profissionais sabe que o processo, além de mais de difícil, raramente se mantém. O papel de um nutricionista na hora de elaborar um plano alimentar é fundamental para evitar comprometer o bom funcionamento do corpo e o efeito iô-iô.

Conhecer o que eu e muitos nutricionistas colocam no prato é uma boa maneira de se guiar e observar quais tipos de nutrientes são importantes para a dieta.

Abacate: rico em gorduras boas, o alimento é poderosa fonte de antioxidantes e pode ser consumido com batidos, na salada ou no preparação de guacamole.

Óleo de coco: excelente fonte de gordura boa, o alimento ainda é rico em ácido caprílico e láurico, substâncias que aumentam a imunidade, e pode ser opção para garantir energia antes do treino, já que possui absorção quase que imediata.

Quinoa: proteína vegetal rica em aminoácidos essenciais, o alimento ainda é fonte de fibras e triptofano, que promove aumento da serotonina, neurotransmissor responsável pelo bem-estar. Pode ser incluído como acompanhamento no segundo prato ou em confecções culinárias como na preparação de hambúrguer. Aqui, no blogue encontra imensas receitas com este superalimento.

Hortícolas: boas fontes de vitaminas, minerais e antioxidantes, são naturalmente pouco calóricos e, portanto, podem ser consumidos em abundância. Procure variar nas cores.

Azeite: rico em óleos monoinsaturados, o alimento traz saciedade e sabor para qualquer prato e, cru, pode ser incluído em todas as refeições.

Ovo: rico em colina, uma substância excelente para a saúde cerebral, o alimento possui boa concentração de nutrientes e é uma boa fonte de proteína.

Aveia: Sendo um dos hidratos de carbono complexos mais interessantes do ponto de vista nutricional, é um ótimo alimento a incluir ao pequeno-almoço e em refeições intermédias.

Contém ainda um alto teor de fibra, o que faz com que este cereal tenha uma ação reguladora do trânsito intestinal, evitando a prisão de ventre, enquanto impede a proliferação de células cancerígenas no cólon. Ainda ajuda a baixar os níveis de colesterol, ao mesmo tempo que reduz a pressão arterial.

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes

Pão de banana

Leave a comment

Pão de banana saudável e delicioso  usando, apenas, poucos e ingredientes saudáveis. Esta deliciosa receita pode ser feita para o pequeno-almoço ou lanches.

Ingredientes
  • 1½ chávena de banana  (cerca de 3-4 bananas)
  • 1 iogurte de aromas de banana
  • 5 colheres de sopa de azeite
  • 2 ovos grandes
  • 1½ chávena de farinha de trigo integral 
  • ¼ chávena de farinha de linhaça (lunhaca moída)
  • ¾ colher de chá de bicarbonato de sódio
  • ½ colher de chá de sal
  • 1 colher de chá de canela
Instruções
  1. Pré-aqueça o forno a 250º.
  2. Numa tigela misture a banana, o  iogurte, o azeite e ovos.
  3. Coloque depois os ingredientes secos, colocar a farinha, farinha de linhaça, bicarbonato de sódio, sal e canela.Misture até que todos os ingredientes sejam combinados.
  4. Despeje numa forma previamente untada e coza por 55 minutos ou até que o centro é cozido. Pode verificar isso com um palito ou faca afiada.
  5. Deixe o pão Corte em 16 pedaços e sirva.

Instruções de acondicionamento
Este pão pode ser feito  e armazenado no frigorifico toda a semana ou no congelador até 3 meses. Eu recomendo embrulhar num plástico ou colocar num saco de congelação.

Informação calórica
1 porção –  Calorias: 165
Nutricionista Denise Gomes
Post introduzido por Denise Gomes

Lancheira de verão

Leave a comment

Devolver o controlo sobre as refeições, sobretudo o almoço,  é o objectivo de levar uma lancheira para o trabalho, faculdade ou escola .

Gosto de uma lancheira, que eu possa levar tudo arrumadinho, porque eu levo comida para o dia inteiro e até a mais!

Para mim é importante que a lancheira para além de gira (claro!!!!), seja térmica para manter a temperatura fresca ou refrigerada, possibilitando uma refeição protegida desses agentes externos de contaminação, inalterando sabor, cor e textura.

A minha é da 100 Alinhavos , visitem o Instagram , porque para além de lancheiras lindas e personalizadas também tem outras coisas, igualmente, fantásticas!

Com a chegada do calor as refeições querem-se frescas mas leves e nutritivas. Por isso hoje trago-vos refeições que podem trazer na vossa lancheira “de verão” 🙂

  • overnight oats (papas de aveia cruas)
  • Sandes (são um boa opção, veja aqui): recheie com de queijo cabra, rúcula e tomate ou salmão fumado, queijo philadelphia e tomate
  • Queijadinhas mexicanas: 
    • 4 tortillas de milho
    • 1 pimentão verde
    • 1 cebola roxa grande
    • 100 g de queijo cheddar
    • Sal a gosto

     Modo de preparação –

    1. Prepare um refogado com a cebola e o pimentão verde picados em quadradinhos bem pequenos e com um fio de azeite e uma pitada de sal;
    2. Depois coloque um pouco do refogado no meio de cada tortilla e adicione o queijo a gosto;
    3. Feche as queijadinhas mexicanas e leve ao forno durante 5 minutos com a temperatura em 220º C (ou deixe até derreter o queijo).

Nutricionista Denise Gomes

Post introduzido por Denise Gomes